+5 votos
82 visitas
perguntado atrás em Política, Leis e Sociedade por Bronze (10,8K pontos)
editado atrás por
Estou conversando com o pessoal libertário pelo Twitter, acabo pensando que seria algo lindo de se ver, porém não é aplicável na prática. O que pensa a respeito da ideia libertária? O anarcocapitalismo é possível?

Edit com vídeos informativos:

Dúvidas comuns sobre Anarcocapitalismo:





Indicação de livro:

A Anatomia do Estado - Murray Rothbard

7 Respostas

+2 votos
respondida atrás por Prata (26,2K pontos)
selecionada atrás por
 
Melhor resposta
Eu sempre acompanho o Rafael do "Idéias Radicais". O problema, é que se praticarem o libertarianismo que o Rafael apregoa, teríamos 5570 Cidades-Estado.

Acredito que o libertarianismo deixa muita coisa a cabo das questões econômicas. Como se as coisas fossem se ajustando automaticamente e se encaixando. Acho estas coisas meio utópicas.

Abraço.
+2 votos
respondida atrás por Platina (76,4K pontos)
Libertário em que sentido?

Precisamos das leis, da administração do governo para distribuir os impostos recebidos.

Explica melhor as idéias dos libertários do twitter.
comentado atrás por Bronze (10,8K pontos)
Na prática, a mesma visão social e econômica de Mises.




Esse vídeo é entre um Liberal e um Libertário, explicando a diferença entre os dois.
+2 votos
respondida atrás por (3,4K pontos)
Possível, é. Mas o levante dos robôs também é possível, muita coisa é possível. Uma pergunta melhor é se seria, primeiro, provável, e, segundo, desejável, no sentido de ser melhor que o modelo de civilização que nós temos hoje. Eu desconfio de toda utopia, e de toda tentativa de engenharia social. Então, por exemplo, não é que seja contra a ideia do socialismo, é só que preciso de comprovação de que ele funcione ou seja desejável. E comprovação de que, se houver uma próxima tentativa de implantação desse sistema, o saldo não vá ser uma quantidade enorme de pobreza extrema, sofrimento humano, e acréscimo aos 100 milhões de pessoas assassinadas durante o século XX pela tentativas anteriores. Mas, como acontece com os militantes de toda utopia, quando falo isso, me respondem com crença, com ideologia, com adoração, com falácia de exclusão (ah, mas eles não eram socialistas *de verdade*), nunca com evidências ou argumentos convincentes.

Eu não tenho argumentos muito específicos contra o anarcocapitalismo, só algumas observações da natureza e da História que me fazem imaginar que, pros seres humanos, alguns modos de organização funcionam melhor do que outros. Por exemplo, como outros primatas, nós também arquitetamos hierarquias automaticamente. É só observar crianças num parquinho. Ok, você pode educá-las contra essa tendência natural, mas até que ponto faz diferença? A centralização da autoridade com o aumento da complexidade das interações é uma constante. Desde tribos de caçadores, gangues de rua até instituições, empresas, sociedades inteiras. Principalmente sociedades inteiras, até aqui tem sido a única maneira de garantir a estabilidade legal, institucional, que permite o desenvolvimento econômico e cultural, que por sua vez permitem o aumento da qualidade de vida. Nunca me convenceram de que uma sociedade anarquista consiga se organizar para produzir e distribuir, pra prover, milhões de pessoas.
+1 voto
respondida atrás por Bronze (19,9K pontos)
Não existe governo libertário, visto que os libertários defendem a ausência de governo - muitos se intitulam anarcocapitalistas. Mas um governo liberal seria não só possível como seria imprescindível para o Brasil crescer.
comentado atrás por Bronze (10,8K pontos)
Apenas uma correção: Estado e Governo são diferentes, Estado é o Brasil (e seus anexos) independente de Governo, Governo é o grupo de pessoas que controlam o Estado, no caso do Anarcocapitalismo a exclusão do Estado faria o início de Governos de iniciativas privadas, reconhecendo por meio da colaboração voluntária pela formação dos mesmos.

A ideia do Anarcocapitalismo é o fim do coletivismo e patriotismo, por exemplo, sendo assim cada um responde por sua própria propriedade privada.
comentado atrás por Bronze (19,9K pontos)
Oi Suicida, nossa nem tinha reparado que era você quem fez a pergunta rs. Hm, agora deu para entender melhor. Bem, acho que seria possível sim, pois vejo que a coerção estatal tem trazido muitos problemas para a grande maioria da população. O problema é que não temos exemplos sólidos disso, mas vejo que paises com mais liberdade econômica se desenvolvem mais economicamente e socialmente. boa noite ;)
+1 voto
respondida atrás por (983 pontos)
Eu acho o anarcocapitalismo meio contraditório.

Uma das maiores críticas do anarquismo é a propriedade privada.Pierre Proudhon,um dos mais influentes dessa corrente,disse que "A propriedade é um roubo".

O capitalismo tem como um de seus principais princípios a proteção da propriedade privada.

Como se mistura essas duas coisas??A mim parece água e óleo...
comentado atrás por Bronze (10,8K pontos)
Anarquia e Anarcocapitalismo são diferentes, o Ancap é uma ideia que corre justamente na base da propriedade privada acima de iniciativa coletivista, entre pensadores da corrente Ancap, estão Ludwig von Mises, Murray Rothbard e alguns dizem que John Locke pai do liberalismo, se interpretado literalmente seria um libertário na visão Ancap.
comentado atrás por (983 pontos)
Sim,mas então deviam inventar outro nome,porque não tem nada de "anarco" nessa ideia aí.Estão misturando dois conceitos conflitantes,"Anarco" é contra propriedade privada...
comentado atrás por Bronze (10,8K pontos)
Anarco é uma denominação para qualquer ideia de ausência de Estado, ou seja, uma hierarquia comandando um espaço, seja por meios democráticos ou autoritários. A internet em sua essência, se aproxima de Anarcocapitalismo.

comentado atrás por (983 pontos)
Sim,a ausência de estado entra na ideia,mas não é tudo,a ideia é mais abrangente,se refere à ausência de autoridade,de coerção, de hierarquia como vc bem disse,só que isso inclui a propriedade privada também.Vc é uma autoridade dentro da sua propriedade,há uma hierarquia comandando um espaço nesse caso e,segundo os anarquistas,a propriedade é uma forma de coerção.Pelo que vi no vídeo,a propriedade privada não só é um princípio dessa ideia como praticamente sua essência.Não tem como isso ser anarco porque o principal princípio de uma coisa vai totalmente contra o principal princípio de outra,são duas ideias que se anulam...
+1 voto
respondida atrás por Cobre (9K pontos)
Seria possível Suicida mas dentro de um contexto de Estado Mínimo, não poderia ser a ausência total.
Com relação ao anarcocaptalismo acho inviável na prática e não são todos os libertários que apoiam.
comentado atrás por Bronze (10,8K pontos)
editado atrás por
Libertário é Ancap, Liberal se enquadra na descrição que você fez, Estado mínimo e sem intervenção na economia, parecido com os Governos atuais da Suíça e do Canadá por exemplo.
comentado atrás por Cobre (9K pontos)
Nem todos Suicida não são sinônimos
0 votos
respondida atrás por (388 pontos)
Coincidentemente é este o meu temor.

Um governo LIBERTINO (como este escolhido) não é capaz de unir, mas sim dividir o pais em muitos fragmentos.
O Incentivos ao preconceito contra nordestinos, Amazonenses, e o racismo contra negros e indígenas pode esfacelar esta nação.

O discurso diz que não, nada vai acontecer, mas a prática de 20 anos diz que sim, e será breve a divisão.
Seja bem vindo ao Gloove, seu novo site de perguntas e respostas. Crie uma conta gratuita e participe!
...