+5 votos
24 visitas
perguntado atrás em Curiosidade por Bronze (10,1K pontos)
fechada atrás por
Efeito em menos de 1 ano do início dos aumentos: 25 mil desempregados, funcionários da Souza Cruz. Aumento no contrabando de cigarros:

https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2018/09/12/apreensoes-de-cigarros-contrabandeados-crescem-15-no-1o-semestre-no-pais.ghtml

A expectativa do Governo quando iniciou essa campanha pela "saúde", era fazer o preço mínimo do cigarro chegar à R$ 16,00. Considerando o total fracasso, a pressão popular, estão segurando os aumentos e fazendo de maneira mais lenta.

Qual seria um bom jeito de lidar com a questão do cigarro, de maneira inteligente economicamente e também para suprir as necessidades futuras por saúde?
fechada com o comentário: ....

5 Respostas

+1 voto
respondida atrás por (518 pontos)
selecionada atrás por
 
Melhor resposta
Na verdade, esse negócio de aumentar a tributação do cigarro e da bebida alcoólica começou no governo PT. A desculpa foi motivo de saúde, mas na verdade, eles já estavam com o caixa desequilibrado e não sabiam de onde tirar.
Fumar, beber e muito mais coisas que não vou dizer agora, estão no âmbito da liberdade individual. Se a pessoa foi alertada quanto aos perigos - e o governo brasileiro faz bem isso - pronto, se ela quiser morrer, fazer o quê? Nos EUA, por exemplo, não se multa motociclista por falta de capacete ou motorista por falta de cinto de segurança, por isso mesmo.
E nem venham alegar prejuízo daquele que morre em um hospital público por câncer de pulmão porque é muito mais caro manter fiscalização e policiais para apagar cigarros por aí, sendo que eles têm coisas mais importantes para fazer. E o bêbado que bate na mulher ou provoca acidente de trânsito tem que ser preso - e não por beber!
Enfim, já virou filme, e eu nem preciso dizer o nome, a experiência frustrada dos EUA em proibir o consumo de álcool, que gerou uma atividade de crime organizado para... contrabandear bebidas! Precisa dizer mais?
A definição dessas proibições é intervenção do Estado, quem defende esse tipo de coisa não está preparado para entender o que é liberalismo e direita!
+2 votos
respondida atrás por Ouro (74,3K pontos)
Muitos deixaram de fumar sim, e outros estão pensando seriamente em parar.

A iniciativa do governo foi boa e está funcionando.

Mas o triste é que a bebida é que causa males muitos piores, o cigarro mata quem fuma, e tem muitos bebuns atropelando e matando um monte de gente, fora o fato de muitos também se tornarem violentos, agredindo esposa e filhos.

E as bebidas também causam grandes males a saúde, como a cirrose, por exemplo.
+2 votos
respondida atrás por Platina (86,3K pontos)
Acho aumentar o preço do cigarro foi uma ótima ideia, pois o cigarro é altamente cancerígeno e traz muitas outras doenças ao longo do tempo.

Algo muito bom foi terem proibido propagandas de cigarros na tv.
+1 voto
respondida atrás por Prata (34,8K pontos)
editado atrás por
O problema se resolve se  tirarmos o objeto problemático de circulação... Quer acabar com a violência? Tira a arma de ciculação e não aumente a legalidade de seu uso.

Quer terminar com o fumo quaisquer que seja, impeça a circulação no país. Agora não vou deixar de impedir que algo nocivo, que leva custos a saúde pública como um tratamento de alguém com problemas cárdio pulmonar ou cirrose provenientes de fumo para justificar que deixará de dar emprego na Souza Cruz, empresa que incentiva  a morte de pessoas através da nicotina.

Assim como muitas profissões nessa era tecnológica chegaram ao fim, é reajustar o mercado para gerar emprego onde tais pessoas desempregadas possam ir. Lembrando que outras empresas demitiram por conta da crise financeira que atinge não só o Brasil mas como também a EUROPA, a Inglaterra mesmo já abandonou o bloco econômico.

E ao  AUMENTAR, QUALIFICAR uma fiscalização efetiva, se impediriam muitos problemas no Brasil que seria o de armas, drogas, muambas paraguaias etc, Produtos que quebram a economia do país justamnte pela entrada dos contrabandiados.

E isso reduziria, inclusive, a violência porque o crime organizado se desestruturaria. Aliada a ação de aumento qualitativo de fiscalização, tais agentes federais deveiam ser bem remunerados de maneira que não fossem induzido a se corromperem.

A questão de um território vasto NÃO INVIABILIZA a ação porque deve ser articulado com Órgãos Federais, como ocorreu com a Lava Jato, que desbaratinou a corrupção em todo país, vide Geddel e as malas abarrotadas de dinheiro, os vídeos com Aércio ( que inclusive foi eleito Deputafo Federal) etc... Ações em regiões diferentes.
+1 voto
respondida atrás por Cobre (6,4K pontos)
Aumentar o preço do cigarro e de bebidas alcoólicas é uma forma de tentar diminuir o consumo, inclusive eu sou super a favor dessas medidas, cigarro e bebida prejudicam você e quem convive com você.
Seja bem vindo ao Gloove, seu novo site de perguntas e respostas. Crie uma conta gratuita e participe!
...