+3 votos
46 visitas

2 Respostas

+2 votos
respondida por Bronze (20,4K pontos)
selecionada por
 
Melhor resposta
A ideia de deus abre muitas possibilidades: deus sem consciência, deus consciente, deus perfeito, deus imperfeito...

Eu acredito mais na ideia de um deus sem a consciência, mas...supondo que ele tenha ela, seja um ser capaz de pensar e supondo também que seja perfeito, o julgamento dele fica além das teorias já criadas por humanos na área.
Como todas nossas teorias sobre a melhor forma de julgar as coisas ao nosso redor até agora apresentaram falhas (divergências principalmente) então elas não chegaram no mesmo patamar desse deus perfeito em suposição. Ou seja, a resposta para os questionamentos do "Por quê?" hoje em dia só podem ser respondidas e provadas por ele e que o meu questionamento é fruto da incapacidade humana de entender lógicas perfeitas.
comentado por Bronze (20,4K pontos)
Você pode colocar vários humanos numa caixa e deixarem por sua própria conta. Ou pode analisar um a um e deixar longe da maldade, mantendo o espírito bom como ele nasce. Qual desses parece o modelo ideal para levar almas pro céu?
Pior ainda se ele tiver o dom da onisciência. Aí é que colocar os humanos na caixa perde todo sentido mesmo..pois ele seria capaz de teorizar exatamente o que aconteceria nela.
Poderíamos supor que a misericórdia dele permita que nos dê uma chance... que a gente teste a teoria.
Se a teoria tivesse errada ele não poderia ser perfeito, pois errou a teoria. Se a teoria tivesse certa ele não poderia ser perfeito, pois errou em ter misericórdia.
comentado por Cobre (9,5K pontos)
Devo refutar  a misericórdia jamais pode ser considerada um erro , talvez permissividade sim e penso que é desta maneira que esta se referindo .
Não tenho como prever quais critérios vai quem vai pro céu ( se é que ele existe) porém não creio que seria ideal
da bondade humana
comentado por Bronze (20,4K pontos)
É erro quando a misericórdia gera sofrimento em outros.
comentado por Cobre (9,5K pontos)
editado por
Acho que você está confundindo misericórdia com permissividade.
Isolar o ser humano para evitar o mal, mas o mal está dentro dele a questão é saber se ele te domina ou é dominado .Essencialmente temos  a tendência a sermos bons, mas deliberar essa essência é nossa responsabilidade.Como também é nossa arcar com as decisões que arbitrariamente tomamos na vida.Essaé a nossa liberdade mas para muitos também um cárcel.
Bem minha opinião.
comentado por Bronze (20,4K pontos)
"Essencialmente temos  a tendência a sermos bons, mas deliberar essa essência é nossa responsabilidade."
Se ele sabia que não íamos arcar com nossas responsabilidades e que pessoas iriam sofrer por causa disso, porque nos criar? Onde está a bondade nisso?
+1 voto
respondida por (1,7K pontos)
Minha filha,nos nem sabemos exatamente oque é a consciencia de reles mortais como nós,imagina do altissimo

Perguntas relacionadas

Seja bem vindo ao Gloove, seu novo site de perguntas e respostas. Crie uma conta gratuita e participe!
...