+6 votos
56 visitas
perguntado em Religião e Espiritualidade por (2K pontos)

Veja o exemplo de Richard Dawkins. Ele diz que o mal não existe, mas também acusa o Deus dos cristãos de ser maligno:

“No fundo não existe o bem, nem o mal, nem propósito, nenhum projeto, nada, exceto indiferença sem sentido. [...] Somos máquinas para a propagação de DNA [...] Cada objeto vivo é a razão exclusiva de ser” [Richard Dawkins, “River out of Eden: A Darwinian View of Life”, p. 133]

“O Deus do Antigo Testamento é sem dúvida o personagem mais desagradável da ficção: ciumento e orgulhoso disso; mesquinho, injusto, maníaco controlador implacável; um limpador étnico vingativo sanguinário; um misógino, homofóbico, racista, infanticida, genocida, filicida, pestilento, megalomaníaco, sadomasoquista, intimidação caprichosamente malévolo" [Richard Dawkins, "The God Delusion", pp. 31]

6 Respostas

+2 votos
respondida por Prata (41,8K pontos)
Mas é claroooo que sim..Deus não existe pra colocar"freios" em ninguém, isso quem faz   são as religiões..a dignidade, o caráter do ser humano  é algo que independe de suas crenças...Conheço ateus fantásticos de uma índole irretocável, assim como religiosos nada tanto assim..Sem levar em consideração o que dizem esse ilustres cidadãos,porque na verdade não me dizem absolutamente nada, minhas convicções  também independem de muitas palavras e sim  do que se sente e se  vive.
+1 voto
respondida por Platina (94,6K pontos)
Verdade que o Diabo é quem mai stem Fé em Deus. Pois Ele o conheceu intimamente. Sepre terá os contras a Obra de Deus. Geralmentepessoas ricas e famosas. Pois darãomais créditos à elas(s) .
Mas a Graça não é para quem quer, é para quem Deus acha graça. Bem aventurado são os que não viram masc creram.
Liga não, ele não sabe o que diz, está sendo usado. Do mesmo modo que esxiste mil igrejas, cada uma dando mal testemunho da Obra. Mas as ovelhas conhecem a voz do seu Pastor.
Eu sirvo a Deus à 18 anos.  Na Congregação Cristã no Brasil. Lá é a Graça de Deus. Verdadeira, doutrin asanta. Por isso que dizem que é seita. As más línguas. kkkkk Se fpr pelo dizmo, lá não tem e todo mundo trabalha , tem seu salário com sua profissão particular. E ninguém lá recebe dinheiro para servir a Deus, Eu sou musico e meu salário é no Céu.
Bye.
+1 voto
respondida por Cobre (6,8K pontos)
Sim, porque os pilares de todo o Ocidente são a filosofia ateniense, o direito romano e a moral judaico-cristã.
+1 voto
respondida por Platina (78,1K pontos)
Cresci no japão, desconhecemos a ¨moral Crist㨠.. Apenas a MORAL da civilidade e Honra.


Mas acredito q os japoneses adorariam botar lado a lados AMBAS nações e comparar a moralidade de atos em cada país .
Abaixo um dos muitos cartazes deixados por Japoneses NÃO Cristãos, pedindo para brasileiros pararem de roubar e pagar pelo seu produto consumido.


Detalhe interessante .. No Japão, cada brasileir oleva a vida q levaria aqui se ganhasse uns 15 mil por mês... Desemprego ¨não existe¨.. anallfabetismo, faltas de oportunidades tbm não...

OUTRO detalhe interesante.. Foi preciso construir presídios para acomodar o tanto de brasileiros infratores.
---------------------------------
CONCLUSÂO?

Está NA CARA q não é A RELIGIÃO q ensina a MORALIDADE.  Ela só AUXILIA
0 votos
respondida por Bronze (15,2K pontos)
Há filósofos, como Marx e Nietzsche, que creem que o bem e o mal não existem, são criações sociais baseados na crença de cada povo, e que também a moralidade é algo relativo. O que é moral para mim, não é para ti, tudo depende do âmbito social ao qual vivemos.


Pessoalmente, concordo. Mas se eu disser os dez mandamentos a qualquer pessoa em sã consciência, que ainda não conheceu o Deus Abraâmico, e disser que estes dez mandamentos são de autonomias minha, ele dirá que estou em errado em algo que disse?

Tem como alguém, em sã consciência, dizer que há algo de errado nisso: Não matarás, não roubarás, não adulterarás, não desejar a mulher do próximo, nem suas coisas, honrará pai e mãe, etc. Há como alguém, em sã consciência, ou de quaisquer outra religião, ou até mesmo sem religião, dizer que estes mandamentos são ruins?

No mais, já dizia Pondé, as pessoas tem raiva de Deus porquê ele não é mais democrático em seus milagres. Ou seja, ele escolhe a quem ele abençoa, por livre vontade, e isso desperta, por vezes, a ira daqueles que não são atendidos.
0 votos
respondida por Prata (38,4K pontos)
editado por
Sim e não. Existe o que o indivíduo, Dawkins, entende por bem e mal. O que ele nega é uma noção geral de bem e mal correta.
É como o conceito de justiça. Cada um tem um entendimento próprio do significado de justiça. O conceito geral, verdadeiramente correto, fica apenas no mundo das ideias (sendo ele existente ou não).
comentado por (2K pontos)
editado por
Valores morais objetivos são valores que existem independentemente do que as pessoas pensam. Por exemplo, mesmo se todas as pessoas pensassem que o estupro é certo, o estupro ainda assim seria errado. Pela lógica ateísta dos valores subjetivos, o estupro seria certo nesse caso.

Mas se os valores morais de bem e mal são subjetivos (ou relativos), com que base Dawkins condena as religiões com base nos valores dele? Isso não seria errado só para ele, já que não existem valores objetivos?

Teístas tem essa base, ateus e agnósticos não tem. É por essa razão que, quando acham conveniente, dizem que não existe bem e mal, e que vai da mente de cada um. Porque sabem que admitir que a moral é objetiva exige que Deus, a base objetiva da moralidade, existe.

Bem lá no fundo até eles sabem que o errado é errado mesmo se todos ou algumas pessoas o considerarem certo. Prova disso é que julgam a religião como má, desconsiderando totalmente a suposta moral subjetiva.
comentado por Prata (38,4K pontos)
Não seria certo para eles. O ateísmo suprime a ideia da moral da religião e adota a moral mais comum que condena o estupro.

Por essa mesma moral mais comum. Não é meu ponto de vista aqui agora, é o do Dawkins. Para ele a religião gera desconhecimento e mortes. Pelo que ele acredita como certo a religião está errada.

Não. As ideias de bondade, ruindade e justiça não precisam de deus. Pode existir uma bondade de verdade, uma ruindade de verdade ou uma noção de justiça verdadeira, que são nesse momento inalcançáveis na prática.
Seja bem vindo ao Gloove, seu novo site de perguntas e respostas. Crie uma conta gratuita e participe!
...